Israel, uma viagem para a história e além

Israel é um destino que conquista a todos com a sua diversidade. São mais de três mil anos de história e inúmeras atrações que vão desde o famoso turismo religioso, passando por regiões como Haifa e Jerusalém, até as noites badaladas de Tel Aviv.

A curta distância entre as cidades torna ainda mais fácil conhecer o destino. É possível percorrer Israel de norte a sul em apenas cinco horas de viagem. Além dos destinos mais comuns, as paisagens naturais do Mar Morto tornam o destino ainda mais especial, atraindo turistas do mundo.
Principais pontos turísticos para que viajantes saibam o que fazer em cada um dele:

Tel Aviv

Principal porta de entrada para Israel, Tel Aviv é o maior centro econômico e a segunda cidade mais populosa. Quem não sabe muito sobre o destino pode se surpreender aos descobrir uma cidade extremamente moderna, cheia de excelentes restaurantes com uma gastronomia sofisticada e casas noturnas agitadas.

Em Tel Aviv é possível conhecer um lado mais urbano de Israel – passeando pelas ruas pode-se aprender muito sobre a cultura de arte de rua e graffiti, principalmente em Florentin, bairro que ganhou destaque nos últimos anos com tours guiados que desvendam os segredos por traz das obras.

Conhecida como a cidade que não para, Tel Aviv oferece aos turistas atividades 24h por dia, sempre tendo algum bar, café, restaurante, museu ou praia para conhecer e curtir. Para se aproveitar o clima descontraído, o Porto de Tel Aviv é uma ótima pedida, com restaurantes à beira-mar de boa gastronomia.

Grande destaque na cidade no mês de junho, o Tel Aviv Gay Pride, é um dos maiores eventos do ano com a comunidade LGBT e reforça a reputação da cidade como a capital gay do Oriente Médio, com uma onda de eventos gay-friendly acontecendo por toda a cidade.

Jerusalém

Jerusalém é uma cidade famosa e fascinante, onde, independente da religião, é possível se encantar com as demonstrações de fé a todo momento. São milhares de anos de história das três grandes religiões monoteístas, contadas através de importantes construções, como o Muro das Lamentações – antigo Templo de Salomão – e caminhos históricos como a Via Sacra.

Assistir ao pôr do sol do alto do Monte das Oliveiras também é uma opção. A Cidade Velha, coração de Jerusalém, é a favorita muitos visitantes, cercada por uma antiga muralha que foi reconstruída ao longo da história. Existem 7 portões que permitem o acesso a locais históricos e sagrados do local.

A antiga Jerusalém é dividida em quatro antigos bairros residenciais, armênios, cristãos, judeus e muçulmanos, cada um mantendo sua herança e diversidade cultural. Dentro dos muros, a cidade também mostra seu lado mais moderno, através das expressões de cultura, arte, música e, principalmente, a culinária.

Para se aprofundar ainda mais, o Mahane Yehuda é um mercado ao ar livre cheio de cores e aromas de frutas e temperos. Para se conhecer ainda mais sobre a história da cidade, não deixe de visitar o Yad Vashem, Museu de Israel, Museu do Holocausto e a Torre do Museu de David.

Mar Morto

O Mar Morto é um dos lugares mais surreais do planeta. Em meio ao deserto, é o ponto mais baixo do mundo, a 428 metros abaixo do nível do mar, e suas águas têm alta concentração de sal, com cerca de 340g por litro, estendendo-se para além do território de Israel e ocupando uma área da Jordânia e da Palestina.

Sem escape, os raios de sol evaporam a água até um ponto em que os seus resíduos minerais ficam altamente concentrados – uma alta densidade de minerais e sal, o que permite a qualquer um boiar sem esforço. Na verdade, o Mar Morto é um lago muito extenso, rico em minerais, que deixam a água um pouco oleosa e com propriedades medicinais.

A lama do Mar Morto também é famosa por ser curativa, terapêutica e revitalizante. É normal ver pessoas cobertas com ela da cabeça aos pés. Quem quer enriquecer a experiência do Mar Morto pode estender seu passeio pelo deserto parando no kibutz Ein Gedi, um oásis natural nas encostas do deserto da Judéia, em uma caminhada por uma reserva natural, e desfrutar das cachoeiras e piscinas em cascata sobre a formação rochosa.

Negev

62% da área total de Israel é ocupada pelo deserto do Negev. O terreno é caracterizado por muitas formações rochosas impressionantes.

Localizado ao Sul de Israel, o deserto já foi casa de diversos povos nômades, como filisteus, bizantinos, nabeteus e outros. Por todo o território é possível ver sinais de civilizações passadas e de sua agricultura, além dos sítios arqueológicos.

O deserto oferece caminhos e trilhas para caminhadas e bicicletas, com muitas rotas marcadas e seguras que atravessam por todo o deserto.

A região se tornou muito popular nos últimos anos. Em uma viagem de aproximadamente 3 horas é possível conhecer a fundo as tribos beduínas do deserto e desfrutar das paisagens.

O Negev é muito seguro para viajar: em caso de emergência, há várias unidades de resgate que trabalham na área e que estão sempre próximas.

As chuvas são raras na região, por isso é importante estar sempre munido de água, protetor solar e muita disposição.

Eilat

Eilat, é porta de entrada para um dos mais belos recifes de coral do mundo, o Observatório Submarino de Eilat. A cidade resort de Israel é famosa por sua combinação espetacular da paisagem desértica ao redor, a bela baía e o sol de verão que brilha durante 360 dias por ano, tornando o local extremamente popular entre os turistas de todo o mundo que querem fugir do frio.

O Dolphin Reef é o lugar ideal para quem quer apenas observar golfinhos em seu habitat natural, ou para quem quer interagir com os animais por meio de atividades abertas ao público, como mergulhar com eles em uma profundidade de até seis metros. O destino é ótimo para se relaxar e recarregar energias em meio ao Mar Vermelho.

O viajante também pode aproveitar para repor o bronzeado e se refrescar na água. Para completar a experiência, os excelentes restaurantes e cafés do entorno permitem saborear o melhor da gastronomia da região. À noite, a vida noturna toma conta da cidade, com várias opções de clubes e bares, para quem quer curtir um rolê mais animado.

Haifa

Terceira maior cidade de Israel, Haifa traz uma mistura interessante de bairros modernos e antigos. A área próxima ao porto, o maior de Israel, atrai moradores e turistas. Mas a principal atralção da cidade é o mar.

As praias são populares para esportes e recreação e ficam cheias durante o verão. Além disso, o vento na região favorece a prática de esportes como surf e vela. Por isso, muitas competições esportivas acontecem por lá.

Haifa possui muitas atrações com foco em cultura, arte e ciência, além de uma série de festivais e atividades que acontecem durante todo o ano. Outro símbolo marcante da cidade é a cúpula dourada do Santuário do Báb, que se estende à sede internacional da Fé Baha’i, uma rede de gigantescos edifícios greco-romanos brancos, com uma beleza impressionante.

Haifa é a cidade mais multiétnica e multicultural de Israel, onde judeus, cristãos, mulçumanos, xiitas, e bahá’ís vivem em harmonia. A cidade também é lar de uma dúzia de museus, incluindo um museu de arte japonesa, o Museu Ferroviário de Israel e o Museu de Imigração Ilegal Af-Al-Pi-Chen.

Quem já está planejando sua viagem por Israel deve saber que o destino não exige visto para quem deseja ficar até três meses por lá. Se estiver viajando por alguma companhia israelense, no check-in serão feitas algumas perguntas durante uma entrevista de segurança.

Algumas delas podem parecer um pouco invasivas ou irrelevantes, mas é só passar pelo procedimento com tranquilidade, respondendo às perguntas com sinceridade. O destino não exige nenhuma vacina, o que também facilita bastante a entrada.

É procedente assinalar que a informação foi facilitada por Kayak. Edição, Área Jornalística Oitravels.

textgram_1590591802

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: