Bruges, charme e beleza na Bélgica

Bruges é uma cidade belga localizada na província de Flandres, a 96 km da capital Bruxelas. O idioma oficial é o holandês, embora lá se ouça também o francês e o inglês, o que facilita a vida do turista. É uma cidade medieval, com pouco mais de 100 mil habitantes e é chamada de Veneza do norte, uma vez que é cercada de canais e é uma das mais belas cidades do país. Atrai milhares de turistas o ano inteiro; colorida e com construções charmosas, é uma típica cidade medieval hiper ultra mega fotogênica.

Estação central de Antuérpia

Trem Bruxelas Bruges

Para chegar até Bruges deve-se desembarcar em Bruxelas e de lá pegar um trem, que parte das quatro estações da capital e te deixam pertinho do centro.

História

Brujas, Molinos y Puertas Medievales - Tour Local

Bruges foi um local de colonização costeira durante a pré-história. As primeiras fortificações foram construídas por Júlio César no século 1 a.C., para proteger a área costeira contra os piratas. Os primeiros registros sobre o nome “Bruges” apareceram por volta do ano 840 e, provavelmente, deriva do holandês antigo “brugga”, que significa ponte. E, por conta de seus inúmeros canais, o que não faltam em Bruges são pontes.

Brujas, Molinos y Puertas Medievales - Tour Local

A cidade foi um importante entreposto comercial nos séculos seguinte e depois entrou em declínio. Após 1965, a cidade medieval experimentou um verdadeiro renascimento. Restaurações de estruturas residenciais e comerciais, monumentos históricos e igrejas geraram um aumento no turismo e na atividade econômica no centro antigo. O turismo internacional cresceu, após Bruges entrar para a lista de Patrimônio Mundial da UNESCO, em 2000. Novos esforços resultaram em Bruges ser designada “Capital Europeia da Cultura” em 2002.

O que fazer em Bruges

Distância entre a estação de trem de Bruges e a Grote Markt

A melhor maneira de conhecer Bruges é caminhando, pedalando ou navegando pelos canais. Saiba aqui o que você não pode deixar de conhecer.

1. Passeio de barco pelos canais

Passeando de barco em Bruges

Conhecer Bruges navegando pelos canais que cortam a cidade é um passeio obrigatório. Os barcos partem de diversos pontos e passam pelos principais pontos turísticos. O condutor da embarcação também faz o papel de guia e vai contando a história dos monumentos de forma interessante. O tour tem duração de meia hora e é uma oportunidade de ver a cidade de uma perspectiva diferente e tirar belíssimas fotos.

2. Grote Markt

Grote Markt em Bruges

A Grote Markt é a principal praça de Bruges e está localizada no coração da cidade. Separe um tempo para caminhar e admirar as charmosas construções ao redor, que mais parecem obras de arte, e faça uma pausa pelas diversas lojas, restaurantes e cafés. É um local movimentado, cheio de turistas, perfeito para começar o tour.

3. Campanário de Bruges

img_belfry01

É na Grote Markt que fica a Torre Belfort, conhecido como o Campanário de Bruges. Esta é uma das principais atrações e também o ponto mais alto da cidade. São 83 metros de altura e 366 degraus que levam até o topo. É preciso ter fôlego, mas todo o esforço vale a pena, pois quem encara esse desafio é presenteado com a vista mais espetacular da cidade!

4. Praça Burg

A Burg Square é um dos locais mais antigos da cidade e apresenta uma variedade de estilos arquitetônicos. O edifício mais bonito da praça é Prefeitura de Bruges, construída em 1376 e considerada uma das mais antigas dos Países Baixos. A cidade foi governada ali por mais de 600 anos e traz na fachada a imagem dos Condes de Flandres e figuras bíblicas. No hall de entrada, uma grande escadaria leva ao Salão Gótico e ao Salão Histórico adjacente. Se você quer conhecer mais da história de Bruges, vale a pena entrar e conhecer.

5. Basílica do Sangue Sagrado

No canto da Praça Burg, ao lado da prefeitura da cidade, fica a Basílica do Sangue Sagrado, famosa por guardar uma cápsula que contém o sangue de Jesus. Ela está dividida em duas capelas, a Capela St Basil, bem rústica e com tijolos aparentes, e a Capela do Sangue Sagrado, com um altar trabalhado e toda ornamentada, onde está localizada a relíquia, que é exposta para adoração após a missa.

6. Igreja de Nossa Senhora

Iglesia de Nuestra Señora

Ao contrário da discreta Basílica do Sangue Sagrado, a Igreja de Nossa Senhora é imponente. Sua torre de tijolos de 115 metros de altura se destaca no horizonte e pode ser avistada de diversos pontos da cidade. Foi construída entre os séculos XII e XV e demorou 200 anos para ficar pronta! Mas além da beleza de seu estilo gótico, o que atrai visitantes é a obra A Madonna e a Criança, de Michelangelo, o único trabalho do artista fora da Itália.

7. Rozenhoedkaai

Rozenhoedkaai e a foto que é o cartão postal de Bruges | Créditos:  Toerisme Brugge / Jan Darthet

É no Rozenhoedkaai, traduzido como Cais do Rosário, que você vai tirar aquela foto digna de cartão-postal. A cidade é toda fotogênica, mas esse canto, em especial, com vista para os canais e para a Torre Belfort, é o mais fotografado da cidade. O cenário rende cliques incríveis tanto de dia, quanto de noite, com as luzes refletindo no canal.

8. Minnewaterpark

O Minnewaterpark é uma boa dica de passeio romântico. A bela área verde é cercada por árvores e fica às margens do Minnewater, mais conhecido como Lago do Amor.

Minnewater Park

A origem do nome vem do trágico romance Minna e do guerreiro Stromberg e, segundo a lenda, quem andar pela ponte do lago com seu parceiro vai viver o amor eterno.

9. Begijnhof

Begijnhof Brujas, visitar y dirección - 101viajes

Considerado Patrimônio Mundial da UNESCO, o Begijnhof é um agrupamento de pequenas construções fundado em 1245 para abrigar as beguinas, mulheres religiosas que viviam em uma comunidade celibatária. Faça uma caminhada pela belíssima área verde com casinhas brancas, admirando a paisagem e sentindo o clima de paz do local.

10. Cervejaria De Halve Maan

Os apreciadores da cerveja não podem deixar de visitar a Cervejaria De Halve Maan. O local foi fundado em 1856 e é lá que são produzidas as celebradas Brugse Zot e a Straffe Hendrik. Diariamente são feitas visitas guiadas.Para os verdadeiros apaixonados pela bebida, a melhor opção é o tour XL, no qual após a visita, o visitante vai para uma sessão de degustação onde pode experimentar três cervejas diferentes com uma explicação sobre o sabor e aroma de cada uma.

No mesmo local também há um restaurante e uma loja, onde o visitante pode comprar e levar alguns rótulos para casa.

11. Bruges Beer Experience

Ainda no mundo das cervejas, o Bruges Beer Experience é um museu que conta a história da bebida de forma interativa, desde o início, passando pelo processo de fabricação, até os dias atuais. No começo do passeio o visitante recebe um iPad que irá guiá-lo pelo mundo cervejeiro. O melhor fica para o final, quando acontece uma sessão de degustação.

12. Museu Groeninge

Groeninge Museum: La Pinacoteca de Brujas | Turismo en Flandes Belgica  Erasmus en Flandes

Quem gosta de arte não pode deixar de visitar o Museu Groeninge, que oferece uma visão variada da história das artes plásticas belgas. Embora a coleção de arte Flamenga seja o ponto alto, o visitante também encontra peças neoclássicas dos séculos XVIII e XIX, obras do expressionismo flamengo e da arte pós-guerra.

13. Hospital Medieval de São João

O Hospital Medieval de São João é um dos mais antigos da Europa. Por cerca de 800 anos ali foram tratados peregrinos, viajantes, pobres e doentes. Durante a visita é possível visitar as alas medievais, onde freiras e monges realizavam seu trabalho de misericórdia, bem como a capela, onde existe uma coleção de arquivos, obras de arte e instrumentos médicos, o antigo dormitório, a sala de custódia e a farmácia.

14. Choco-Story

O chocolate belga é considerado um dos melhores do mundo e, estando na Bélgica, você não pode deixar de visitar um museu inteiro dedicado a esta delícia. O local apresenta a história do cacau e do chocolate desde a época dos Maias até os dias atuais, você tem a oportunidade de conhecer o processo de fabricação e, para ficar ainda melhor, fazer degustações durante o percurso.

Onde e o que comer em Bruges

Como se não bastasse ser uma cidade linda, Bruges ainda conquista os visitantes pelo estômago. Escolher onde comer não é uma tarefa fácil, pois são muitas as opções, mas aqui você vai descobrir o lugar certo para experimentar cada uma das delícias belgas.

1. OYYA Ice Bar

Bruges: o que fazer na charmosa cidade medieval da Bélgica

Os doces do OYYA Ice Bar são considerados os melhores de Bruges. A massa fresquinha é preparada diariamente. Ela tem textura leve e macia por dentro e é crocante por fora, com diversas opções de cobertura. Não tem como resistir!

2. Dumon Chocolatier

dumon-chocolatier-bruges-2 - Adventure Bagging

A Bélgica é a capital mundial do chocolate, logo, você não pode ir embora sem provar esse sabor típico e levar alguns docinhos para casa. A Dumon Chocolatier é considerada uma das melhores lojas de Bruges. Lá é possível encontrar desde os sabores clássicos até versões especiais. A loja é parada obrigatória para os chocólatras!

3. 2be Bar

Beer Paradise? "2Be" Bar - Pub (Bruges - Sony HX300) | Flickr

O 2be Bar é o paraíso dos cervejeiros! A cervejaria fica em um casarão em uma ruazinha escondida do Centro Histórico. Lá você pode pegar a sua bebida e se sentar no terraço com uma bela vista dos canais de Bruges. O bar possui uma enorme carta de cervejas, menu degustação e aperitivos. Com certeza você vai encontrar a sua favorita e se apaixonar por ela!

4. Frituur Bosrand

papas

Você vai encontrar batata frita por todos os cantos de Bruges, mas nenhuma delas se comparam com as batatas da Frituur Bosrand, que foram eleitas as melhores da Bélgica! Vá com fome, pois as porções são grandes, com molhos e outras frituras para acompanhar.

5. Parkrestaurant

O Parkrestaurant é o restaurante mais recomendado do site TripAdvisor. A casa está localizada em uma mansão de 1849 e é comandada pelos mesmos chefes desde 1989. Para quem viaja a dois e procura uma experiência romântica, este é o lugar perfeito! Tudo por lá é impecável: o ambiente, a decoração, o atendimento e, claro, a comida. Antes de ir, é importante fazer a reserva pelo site.

6. Poules Moules

Um prato que você não pode deixar de experimentar em Bruges é o Moules Frites, mexilhões servidos com batata frita. Essa iguaria típica da Bélgica é o carro-chefe do Poules Moules, um restaurante agradável, que serve porções generosas e com preço honesto. O menu conta também com diversas opções de pratos. Se estiver no verão, escolha uma mesa do lado de fora para se deliciar e observar o movimento.

7. Ribs’n Beer

A apenas cinco minutos de caminhada da Market Square está o Ribs’n Beer, um lugar para experimentar as melhores costelas da cidade. A carne é saborosa e suculenta, com uma variedade de molhos para acompanhar e o melhor da cerveja belga. A fama do restaurante faz com que ele esteja sempre cheio, por isso é importante fazer a reserva com antecedência.

É procedente assinalar que a informação foi facilitada pela Marta Stegani/Viajali. Edição, Área Jornalística Oitravels.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: