Jericoacoara, uma joia do litoral cearense

A 300 quilômetros da capital Fortaleza, no Ceará, se esconde um dos mais belos destinos brasileiros, Jericoacoara. Enormes dunas de areia branca, mar cristalino, povo hospitaleiro e sol o ano inteiro são as características marcantes desse paraíso.

A vila é formada por apenas quatro ruas principais. Esqueça o asfalto, todas as ruas de Jeri são cobertas de areia. Separe seu melhor par de chinelo, que será seu melhor companheiro durante sua estadia.

Jeri-VilaHá uns 20 anos, Jeri era apenas uma pequena e pacata vila de pescadores, sem energia e estrutura básica. Hoje já possui ótimas opções de hotéis, bons restaurante e diversão para os visitantes. Além de ser um reduto para os praticantes de esportes náuticos, como kite e windsurf. Se o intuito da visita for para a prática, a melhor época para ir é entre julho e dezembro, quando se venta bastante na região.

Windsurf-JeriJeri, como é chamada carinhosamente pelos turistas e nativos, está cercada por lagoas de água doce e morna, cristalinas e azuis, mar calmo e transparente, com enormes dunas de onde é possível assistir e admirar o pôr do sol mais bonito do Ceará e provavelmente do Brasil.

Alguns passeios não podem ficar de fora da programação. A começar pelas lagoas do Paraíso e Azul. E o nome faz jus aos lugares. Para chegar lá, carros 4×4 ou bugues fazem o serviço .
Lagoa-Paraiso-JeriA mistura de nuances do azul da água é de impressionar. A estrutura das barracas de serviços é bem rústica, mas o atendimento é gentil e caloroso.

Lagoa-Paraiso-JeriPara quem quiser optar por uma barraca mais turística, o Beach Club The Alchymist é uma ótima pedida. Tem cardápio com boa variedade de comes e bebes. Além dos quiosques espalhados pela areia, é possível também alugar espreguiçadeiras com ombrelones.

A Lagoa Tatajuba, próximo a cidade de Camocim e aproximadamente a 50 minutos de Jeri, tem água doce e calma. O local é um dos mais procurados pelos praticantes de kite e windsurf. Mesas, cadeiras e rede dentro da lagoa são um convite irrecusável para relaxar e curtir o sol. Lá pode-se alugar caiaque e pranchas de stand up paddle.

Lagoa-Tatajuba-Jeri

Vale fazer a caminhada, ou alugar um quadriciclo, até a Pedra Furada, um dos cartões postais do local. E tirar foto da famosa árvore da preguiça.

Pedra-Furada-JERI

O final de tarde já é clássico em Jeri, e leva turistas e nativos ao alto da duna do Pôr do Sol, no canto esquerdo da praia. Por volta das cinco horas o movimento é intenso, já que por volta das cinco e meia o sol mergulha no mar e faz um espetáculo lindo da natureza.

Duna-por-sol-JERIAo cair a noite, dezenas de barracas são montadas na praia, no final da rua principal, e servem uma grande variedade de coquetéis preparados com frutas tropicais. Não deixe de experimentar a mais clássica caipirinha de seriguela.

É procedente assinalar que a informação foi facilitada pela Viagem e Gastronomias. Edição, Área Jornalística Oitravels.

 


			

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: