Caxias do Sul, conhecida como Pérola das Colônias

Localizada no coração da Serra Gaúcha, Caxias do Sul é a segunda maior cidade do estado do Rio Grande do Sul, repleta de atrativos urbanos e rurais.

Conhecida como “Pérola das Colônias, Caxias do Sul teve sua origem em emigrantes italianos. Essas terras, então conhecidas como Campo do Bugres, eram habitadas por índios e percorridas por vaqueiros. As primeiras famílias italianas chegaram em 1875 para se estabelecerem como agricultores. Vindos de terras vinícolas, aqui aplicaram a sua experiência, criando progresso e desenvolvimento a partir do cultivo da uva e da vinificação. Mas entre os emigrantes também havia artistas, pessoas que sabiam modelar madeira e ferro.

Em meio a uma viagem de campos, matas nativas, vinhedos, pomares e lavouras, sob domínio de uma forte cultura italiana, não é por acaso que os turistas que vêm conhecer a Serra Gaúcha, saem encantados.

Confira a seguir sugestões de rotas turísticas para conhecer na cidade e em seus arredores:

Parque Mário Bernardino Ramos
Foto: Reprodução | Rádio Gaúcha

O Parque Mário Bernardino Ramos, também conhecido como Parque de Eventos da Festa da Uva, é um dos maiores e mais completos espaços para eventos do Brasil. Cercado por uma ampla área verde, encontra-se em uma região elevada, oferecendo uma belíssima vista panorâmica da cidade.

Foto: Reprodução | Andréia Copini

Inaugurada em 1978, a réplica da cidade é um conjunto arquitetônico de 17 casas de madeira, cuja construção obedeceu rigorosamente aos padrões vigentes na época. A réplica abriga diversos empreendimentos que muito tem a oferecer aos visitantes.

Igreja São Pelegrino
Foto: Reprodução | Pinterest

A Igreja de São Pelegrino é um templo Católico cuja história está vinculada aos primórdios da imigração italiana e à fundação da cidade. O edifício tem várias obras de arte em seu interior, com destaque para os painéis de Aldo Locatelli. Pela sua importância história e artística a igreja tornou-se uma das grandes atrações turísticas da cidade e foi declarada Patrimônio Cultural do Estado em 2000. Em 2003 seus 50 anos de inauguração foram homenageados na Câmara dos Deputados em Brasília.

Catedral de Santa Teresa
Foto: Reprodução | Wikipédia

A Catedral é um templo da Igreja Católica localizada na Praça Dante Alighieri, no centro da cidade. É sede da Diocese de Caxias do Sul, e foi dedicada a Santa Teresa, por gratidão dos imigrantes italianos para com a Imperatriz Dona Teresa Cristina, esposa de D. Pedro II, Imperador do Brasil.

A Catedral é um dos mais importantes edifícios históricos da cidade e um dos mais distinguidos exemplares da arquitetura colonial na zona de imigração italiana da serra gaúcha, possuindo formas amplas e majestosas em um estilo neogótico coerente, e uma decoração interior que guarda relíquias artísticas dos primeiros tempos da cidade, incluindo altares ricamente entalhados, estatuária, vitrais e alfaias.

Museu Casa de Pedra
Foto: Reprodução | Prefeitura de Caxias do Sul

O museu segue a linha temática e é uma verdadeira volta no tempo. Hoje em seu interior, conta com um vasto mobiliário que evidencia o modo de vida doméstico da época de sua construção, com ambientes todos decorados por objetos, vestimentas, artesanatos e ferramentas doados por moradores.

No entanto, a edificação é a grande estrela do local. A construção foi feita com pedras balsáticas assentadas e rejuntadas com barro, somadas a aberturas de pinho fixadas em tijolos artesanais. A visita é guiada e há uma explicação sobre a história da casa e as funções dos objetos.

Museu Municipal
Foto: Reprodução | Revista News

É um museu histórico, artístico e etnográfico, que, além de mostrar permanentemente seu acervo próprio, oferece visitas monitoradas, uma sala de exposições temporárias, exposições itinerantes e diversos projetos de educação. As peças e objetos são testemunhos materiais que permitem o reconhecimento da cultura, do primitivo habitante indígena do território aos desdobramentos da colonização europeia a partir de 1875. Utensílios de trabalho para o cultivo agrícola e objetos de devoção católica também fazem parte do acervo.

Chatêau Lacave
Foto: Reprodução | Divulgação

Uma verdadeira fortaleza medieval com 4 torres encravadas em solo vinífero, sua construção foi iniciada em 68 do século XX, tendo sua construção física concluída após 10 anos de obras. Réplica de um mosteiro medieval espanhol do século XI não cessou de mudar de uso e imagem, como nos antigos Castelos europeus.

Foto: Reprodução | Divulgação

O Castelo Lacave é hoje um marco turístico, recebendo viajantes de todos os lugares. É também reconhecido como centro de enogastronomia e seu restaurante oferece rica gastronomia harmonizada com vinhos e espumantes da marca.

Vale Trentino
Foto: Reprodução | Roni Rigon/Agencia RBS

Quem visita o Vale Trentino, em Forqueta, na divisa entre os municípios de Caxias do Sul e Farroupilha, percebe que os usos, costumes e tradições italianas continuam de geração em geração. O amor à terra e ao seu fruto, a uva, transformou o Vale Trentino em um passeio emocionante: belas paisagens e muitos parreirais. O turista poderá visitar cantinas e conhecer o processo desde o plantio da videira até o descanso do vinho e, é claro, degustar vinhos e sucos saborosos.

Foto: Reprodução | Guia de Caxias do Sul

Você ouvirá muitas histórias com sotaque do dialeto vêneto, como a trajetória da primeira cooperativa vinícola da América Latina, fundada em 1929 ou a instalação da Estação Férrea em Forqueta, em 1908.

Gruta e Cachoeira da Terceira Légua
Foto: Reprodução | Viciados em Estrada

A Gruta Nossa Sra. de Lourdes, mais conhecida como Gruta da Terceira Légua se localiza em uma ramificação da Estrada do Imigrante, e contempla um gruta, acessível através de uma escadaria de 150 degraus, uma cachoeira e belos paredões de pedra em seu entorno. A gruta é um abrigo de basalto que conta com um grande espaço interno onde foi construída uma capela, com vários bancos.

Foto: Reprodução | Me Leva Embora

Um pouco mais a frente se localiza uma bela cachoeira de 60 metros de altura, acessível por uma curta trilha entre a mata. O local se destaca por ser um lugar propício para a prática de rapel e escalada.

Distrito de Criúva
Foto: Reprodução | Guia de Caxias do Sul

O distrito de Criúva teve sua origem na época do tropeirismo e foi inspirado no nome de árvore típica existente na região. A região ainda é privilegiada pelas belezas naturais de seu interior com: pousadas, restaurantes, trilhas ecológicas, cavalgadas, campings e práticas de esportes radicais em grandes paredões, rios e cascatas.

Foto: Reprodução | Trip dos Paralelos

Criúva é o berço da primeira dupla de acordeonistas do Brasil, os Irmãos Bertussi,  homenageada com um Memorial, um dos pontos turísticos mais visitados junto com o Monumento Natural Canion Palanquinho e a Cachoeira da Mulada.

Caxias do Sul é considerada a segunda cidade mais importante do Rio Grande do Sul e um dos roteiros mais tradicionais da Serra Gaúcha!

É procedente assinalar que a informação foi facilitada pela Prolar. Foto de Portada Expedia. Edição, Área Jornalística Oitravels.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: