Aquiraz, destino de dunas, praias e lagoas

É no Ceará, bem pertinho de Fortaleza, que está um roteiro de praias de grande beleza e que impressiona o turista. Aquiraz, a 27 quilômetros da capital, reúne seis praias com dunas exuberantes, quase desertas, mas com toda a infraestrutura à disposição do visitante.

Foto: Reprodução | Divulgação/ Folha

O complexo de tranquilidade é formado pelas praias de Porto das Dunas, Presídio, Prainha, Iguape, Barro Preto e Batoque, que podem ser percorridas em belos passeios de buggy. A mais badalada é Porto das Dunas. Ela possui a maior rede de infraestrutura, com hotéis e pousadas, além de abrigar o Beach Park, maior parque aquático da América Latina.

Foto: Reprodução | Cadu Tavares/ Flickr

Seguindo em frente, temos a Prainha. Situada na Barra do Rio Catu, com águas claras, recortada por coqueirais, possui lagoa temporária de expressiva beleza.

Foto: Reprodução | Divulgação/ Praias de Fortaleza

O lugar é famoso pelas suas rendeiras e pelo aspecto campestre. Muito boa também para a prática do surfe. Na praia do Presídio, destaca-se o lado histórico. Lá foram construídas prisões para onde foram levados os holandeses à época da colonização. É uma das que possui um clima mais selvagem, mas que no Carnaval atrai muitos visitantes.

Foto: Reprodução | Divulgação/ Qual Viagem

Em Iguape, suas dunas são o cartão de visitas. Com grande frequência de turistas, possui dunas fixas com densa vegetação, tímido manguezal, e outras móveis, próximas à praia, de onde se descortina todo o distrito. Há, também, fontes de água doce que formam um grande lagamar abrigando núcleo de pescadores e ancoradouro. Boa para a prática de sandboard.

Foto: Reprodução | Divulgação/Revista Impressões Digitais

Na praia de Barro Preto, há o momento mais pitoresco do passeio. A barraca “Energia Erótica” é mantida por Don Geovani, conhecido como xerife da praia. Em uma espécie de museu com objetos reciclados, o anfitrião conta breves anedotas e causos sobre o tema. Além de se divertir, os visitantes ainda podem se fartar de bebidas e comidas exóticas. O nome “Barro Preto” vem da areia cheia de cristais pretos, tornando-se brilhante, cor de prata.

Foto: Reprodução | Brazil Wonders/Pinterest

Fechando o circuito temos Batoque. Ela pode ser considerada a praia menos explorada, e por isso, atrai quem procura calmaria. Barracas rústicas servem o melhor da culinária local, baseada em peixes e frutos do mar. Não possui estrutura hoteleira, sendo indicada para passeios breves, com hospedagem em outros lugares.

É procedente assinalar que a informação foi facilitada pela Qual Viagem. Foto de Portada Divulgação/Folha. Edição, Área Jornalística Oitravels.

Reservamo-nos o direito de corrigir eventuais erros de publicação deste material, Oitravels não é responsavel por material gráfico que não expresse claramente o copyright.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: