Conheça Pomerode, a cidade mais alemã do Brasil

Pomerode é uma pequena cidade, que está localizada no Médio Vale do Rio Itajuí-Açú, em Santa Catarina, possuindo cerca de 30 mil habitantes. O local é conhecido como a cidade mais alemã do Brasil, e oferece aos seus visitantes a possibilidade de ter contato com essa cultura sem sair do país.

O nome Pomerode tem relação com os primeiros colonizadores que chegaram à cidade, no ano de 1863, todos imigrantes vindos da Pomerânia no norte da Alemanha. Os germânicos que se estabeleceram no local eram agricultores, e trouxeram para essas terras seus costumes, sua arquitetura, gastronomia e tradições, que se mantêm vivos até os dias de hoje.

Além disso, Pomerode possui diversas belezas naturais e é reconhecida por ser um ótimo lugar para se viver. A cidade possui ainda o maior acervo de construções em enxaimel localizado fora da Alemanha, com um patrimônio histórico com mais de cem casas na “Rota do Eixamel”, e diversas outras espalhadas pela cidade.

Como chegar a Pomerode

A cidade fica a 30 km de Blumenau e 122 km de Florianópolis, capital do estado, vindo de São Paulo, o percurso é de 586 km.

O trajeto feito de carro caso você parta do norte, como de São Paulo, Rio de Janeiro ou Minas Gerais, tem como melhor acesso a BR 101, seguindo pela BR 280 até a cidade de Jaraguá do Sul, e pegando a SC 416 para chegar a Pomerode.

Se caso você esteja viajando a partir do sul do país, o acesso é feito pela BR 101 até Navegantes, depois o caminho é até Blumenau, pela BR 470, e segue pela SC 421 até Pomerode.

Há ônibus, que você pode procurar clicando aqui, saindo das principais cidades próximas a Pomerode, como Jaraguá do Sul e Blumenau.

Já para quem irá visitar a cidade a partir de locais mais distantes e terá que viajar de avião, o aeroporto mais próximo da cidade é o Aeroporto de Navegantes, que está localizado a 75 km.

Qual é a melhor época para visitar

A cidade pode ser visitada em qualquer época do ano, possuindo um verão morno, raramente ultrapassando os 30° C, já o inverno é ameno, com temperatura média de 12°. É uma cidade chuvosa, com precipitação durante o ano todo.

Quem escolhe ir até a cidade no verão, pode curtir as atrações de Pomerode, e se tiver mais tempo de viagem, visitar o litoral de Santa Catarina, já que algumas das cidades mais famosas da região estão bem próximas, como Balneário Camboriú, que fica a 84 km e Itapema, que fica a 99 km.

Já quem prefere viajar no inverno poderá curtir o clima frio do sul brasileiro aliado a uma ótima gastronomia e locais extremamente aconchegantes.

Algumas pessoas escolhem fazer a visita durante janeiro, quando ocorre a Festa Pomerana, um dos eventos mais importantes da cidade, que celebra as tradições herdadas dos fundadores da cidade, com muita comida típica, danças, desfiles e competições.

Outras pessoas escolhem ir durante a Páscoa, para poder ver de perto a Osterbaum (maior árvore de Páscoa do mundo).

Quantos dias ficar

Se você não tem muito tempo, consegue curtir a cidade em um único dia, porém, o ideal é que você consiga passar 3 dias inteiros na cidade, para que consiga aproveitar todas as atrações que ela oferece, e ter maior contato com a cultura local.

O que fazer em Pomerode

Há muito o que fazer em Pomerode, oferecendo aos seus visitantes passeios cheios de cultura e história. A cidade é conhecida por ser bem hospitaleira, possuindo um clima turístico muito gostoso que encanta quem vai até ela. Confira algumas opções sobre o que fazer em Pomerode:

1. Tire fotos no Portal Sul
Foto: Reprodução | Divulgação/ Revista Moto Adventure

A visita ao Portal Sul é uma das obrigatórias na lista de o que fazer em Pomerode, sendo um dos principais cartões postais da cidade e um local para tirar fotos e recordar dessa viagem, sendo possível usar trajes típicos alemães para uma foto, sendo uma belíssima construção em estilo enxaimel.

O Portal foi inaugurado no ano de 1991, e nele está localizado o Centro de Informações Turísticas e também uma lojinha de artesanatos, além de ser uma visita bem legal, é possível adquirir um mapa turístico da cidade, para saber tudo que é possível visitar.

No Portal também é possível alugar bicicletas para passear pela cidade. O horário funcionamento é das 8h até às 18h, todos os dias, e ele está localizado na Rua 15 de Novembro, 818, no Centro.

2. Visite o Museu Pomerano
Foto: Reprodução | Jornal de Pomerode

A visita ao Museu Pomerano é indispensável para quem quer conhecer um pouco mais sobre a fundação da cidade, contando parte de sua história através da coleção particular reunida por Egon Tiedt, a partir do ano de 1969.

É uma opção de o que fazer em Pomerode que reúne bastante cultura, podendo analisar objetos como móveis antigos, carroças, acessórios de vestuário, utensílios domésticos, equipamentos agrícolas, instrumentos musicais antigos, painéis fotográficos, além da biografia do criador da coleção.

Foto: Reprodução | Divulgação/ Naturam

A Prefeitura Municipal de Pomerode adquiriu toda a coleção de Egon no ano de 2004, e no ano de 2007 transferiu as peças para um edifício que já havia sido a Fábrica de Laticínios.

O Museu está localizado no Centro da cidade, na Rua Hermann Weege, 111. Funciona todos os dias, exceto as segundas feiras, de terça a sexta feira se encontra aberto das 10h até às 11h30min, e depois das 13h até às 17h, e nos sábados, domingos e feriados o funcionamento é das 10h até às 16h.

3. Casa do Imigrante Carl Weege
Foto: Reprodução | Divulgação/ Mapio

Outro museu muito interessante da cidade é a Casa de Calr Weege, esse com uma proposta bem diferente, já que conta um pouco de como era o dia a dia das primeiras famílias da cidade a partir da casa de um deles, que foi reconstruída de forma autêntica, possuindo móveis antigos e decoração típica alemã, em uma casa enxaimel.

Há ainda um rancho com moenda de cana-de-açúçar, uma roda d’água, um prédio da atafona, que é usada para moer milho e fubá, e também a Praça Lauro Guenther.

A Casa do Imigrante está aberta durante a semana toda, exceto na segunda feira, das 9h até às 12h, e depois das 13h até às 17h. Está localizada na Rua Leopoldo Blaese, 11, na região de Pomerode Fundos.

4. Museu do Marceneiro
Foto: Reprodução | Divulgação/ Quero Viajar Mais

Outra opção de museu para incluir na sua lista sobre o que fazer em Pomerode, esse conta a história dos Móveis Behling, uma empresa de móveis existente desde o ano de 1945, fundada por Alex Behling.

A história da marcenaria teve início com uma pequena produção de móveis, que logo se mudou para um prédio maior, onde havia energia hidráulica, que conseguia movimentar o maquinário da empresa. Com o passar dos anos a empresa foi se modernizando e aumentando a variedade de produtos criados.

No local é possível ver diversas máquinas e ferramentas antigas, uma roda d’água com 6 metros de altura que a movimentava, também sendo possível ver o maquinário moderno.

Encontra-se na Rua Alfredo Hoge, 525, no Centro da cidade. Funciona todos os dias da semana, entre segunda e sexta abre das 9h até às 12h e depois das 13h até às 18h, nos sábados o horário muda para as 9h até às 13h e depois das 14h30min até as 17h, já nos domingos funciona somente durante a tarde, das 13h até as 17h.

5. Casa do Escultor no Museu Teichmann
Foto: Reprodução | Prefeitura Municipal de Pomerode

Apresentando diversas obras do escultor Ervin Curt Teichmann, esse museu está localizado próximo ao Portal Sul, sendo possível visitar os dois pontos de uma vez.

Há várias figuras na exposição, em sua maioria retratam o cotidiano vivido pelo escultor, como pescadores, cavalos, lavradores, peões e operário, além disso, conta com pinturas, tanto a óleo quanto aquarelas, e moldes em barro e porcelana, tudo produzido pelo mesmo artista.

O escultor veio para o Brasil no ano de 1914, quando ainda era uma criança, e faleceu em 1992, vivendo todos os anos na casa em que hoje está localizado o museu.

Localizado na Rua XV de Novembro, funciona todos os dias, exceto na segunda feira, das 14h até às 17h.

6. Osterbaum
Foto: Reprodução | Divulgação/Bern Paraná

Dentre as tradições da Páscoa alemã a Osterbaum é um dos símbolos mais marcantes, montada em um galho seco onde são colocadas cascas de ovos coloridas, unindo a frieza da morte de Jesus Cristo com a alegria da sua Ressureição.

Em Pomerode a Osterbaum é maior do mundo, inclusive entrou para o Guiness World Records em dois anos consecutivos, possuindo mais de 100 mil cascas de ovos presas nos galhos de uma árvore.

Foto: Reprodução | Divulgação/ Blog do Jaime

A árvore fica exposta na Osterfest, que possui além dela diversas outras atrações, como um ovo gigante posicionado logo na entrada do Centro Cultural da cidade, apresentações culturais de dança e música, oficinas de pintura e culinária, passeio de trenzinho, dentre diversas outras.

O festival e a exposição da Osterbaum ocorrem durante a semana que antecede o domingo de páscoa.

7. Relaxe na Praça Torgelow
Foto: Reprodução | Prefeitura Municipal de Pomerode

Essa praça fica em frente ao Centro Cultural da cidade, e é uma ótima opção para o que fazer em Pomerode ao ar livre, apreciando um pouco mais da cidade e sua movimentação. Ela foi inaugurada no ano de 2010, em comemoração aos 180 anos da imigração alemã no estado de Santa Catarina.

Possui diversas esculturas de Bronze produzidas pelo artista José Batista, que representam diversos objetos e também pessoas caracterizados como os imigrantes. A obra principal representa um homem com uma enxada e uma mulher educando os filhos, retratando como era a vida na cidade.

8. Faça a Rota do Enxaimel
Foto: Reprodução | Divulgação/ Viajali

A Rota do Enxaimel é um dos pontos mais famosos quando se planeja o que fazer em Pomerode, sendo possivel conhecer através de um trajeto de cerca de 16 km de estrada mais de 50 edificações construídas no estilo arquitetônico enxaimel, tipicamente europeu.

Foto: Reprodução | Divulgação/ Naturam

A rota combina a beleza da paisagem rural, sendo a maior parte da estrada de terra rodeada por árvores, com casarões belíssimos, em ótimo estado de conservação. As construções principais são:

Pórtico do Imigrante “Wolfgang Weege”: uma réplica do Portal de Stettin, uma cidade que já foi capital da Pomerânia.
Casa Comercial Weege: Nessa casa, que possui a arquitetura característica das demais, estão localizadas vendas de vários produtores rurais, sendo possível comprar frutas, hortaliças, legumes, flores, embutidos, biscoitos, conservas e outros produtos.
Casa Siwert: Propriedade onde é possível conhecer mais de perto equipamentos antigos que auxiliam na produção de milho e gado de leite, mostrando aos visitantes um pouco da evolução no meio rural ao longo dos anos. Somente é possível visitar o local mediante agendamento.
Trilha da Natureza: Uma trilha que leva os turistas até uma cachoeira, tendo contato com a natureza local.
Igreja Evangélica de Confissão Luterana de Testo Alto: A igreja foi construída no século XIX, sendo a religião luterana muito influente nessa comunidade. Ao lado da igreja há um clube de caça e tiro, uma escola, e o Cemitério dos Imigrantes, que é o mais antigo da cidade.
Pousada Casa Wachholz: Construção do ano de 1867, é uma das mais antigas da rota, possui um local para prática de pesca e também um estábulo de vacas, que podem ser visitados elos hóspedes.

9. Divirta-se na Vila Encantada
Foto: Reprodução | Divulgação/ Vila Encantada

Perfeito para quem está viajando com crianças e quer incluir algo divertido na lista de o que fazer em Pomerode, a Vila Encantada apresenta diversas atrações, como diversas réplicas de dinossauros, piratas e insetos e diversas opções de brinquedos, agradando as crianças de todas as idades.

Possui o Projeto Paleontólogo Encantado, que incentiva as crianças a conhecer um pouco mais da profissional dedicada a estudar os dinossauros. Além disso, conta com uma ótima infraestrutura para atender a todos os visitantes.

O parque fica fechado as segundas e terças, aberto das 8h até às 18h de quarta a sexta, e das 9h até às 19h aos sábados e domingos.

10. Zoo Pomerode
Foto: Reprodução | Divulgação/ Diario de Jaragua

Fundado no ano de 1932, foi o primeiro zoológico na região sul do Brasil. A ideia da criação do local surgiu quando animais nativos da região começaram a visitar o quintal da casa de Hermann Weege, que possuía diversos animais domésticos, por isso, seu quintal sempre estava cheio de alimentos para eles, e atraia outros às novas espécies.

Atualmente é o maior zoológico do estado de Santa Catarina, com cerca de 1.011 animais de 242 espécies diferentes, havendo várias espécies que estão em risco de extinção, como o gato-maracajá, a jacutinga, o papagaio de peito roxo, a ararajuba, dentre outras, possuindo uma área total de 35 mil metros quadrados.

Além de ser uma atração interessante pelo fato de possibilitar a aproximação de diversas espécies diferentes de animais, o zoo também faz um trabalho de educação ambiental, onde explica para os visitantes os problemas enfrentados pelos animais, dando importância para o papel do homem no cuidado com tais animais.

Conta com um aviário onde é possível caminhar entre as aves. Dentro do espaço do zoológico há ainda um Cinema 7D, com 17 opções de filmes que possuem duração de 4 a 9 minutos, onde é possível realmente sentir as produções na pele, sendo um momento bem divertido.

Caso você queira comprar souvenirs, possui uma loja de artesanatos e a zoo mania, com produtos relacionados ao zoológico.

11. Teatro Municipal
Foto: Reprodução | Prefeitura Municipal de Pomerode

O teatro de Pomerode tem capacidade para 498 pessoas, possuindo um projeto arquitetônico em peculiar, com elementos diferentes, aproximando o espaço com a arquitetura da cidade.

Possui uma programação bem variada, você pode ir até o teatro assistir a uma peça de teatro, apresentações musicais ou de dança, ou visitar durante outros eventos que ocorrem na cidade.

Está localizado na Rua Hermann Weege, 111, no Centro da cidade.

Onde comprar em Pomerode

Há muitas lojas na cidade onde é possível comprar produtos típicos de Pomerode, havendo uma grande variedade, passando por porcelanas e produtos em madeira, velas aromáticas, utensílios domésticos, chocolates, roupas, dentre outros.

Conheça algumas lojas da cidade:

Agridoce Ateliê: No local é possível comprar móveis rústicos, itens de decoração tanto em madeira como em ferro e porcelana, luminárias e diversas outras peças artesanais.
Armazém Schornstein: Loja pertencente à marca de cerveja vende diversos produtos, como utensílios para bar, kits de churrasco, almofadas e placas decorativas, etc.
Arte do Lar: Local perfeito para quem adora os feriados festivos mais importantes do país: Natal e Páscoa. Vende diversos artigos de decoração relacionados a esses feriados.
Cachaçaria Reinert: além de diversas marcas de cachaças, tanto nacionais como importadas, possui também licores artesanais.
Casa & Cia: Vende diversos artigos de decoração típica da região.
Diva Bolachas Artesanais: produz bolachas tradicionais da cidade, todos feitas artesanalmente.
Guenther Velas Especiais: conta com uma variedade incrível de velas, com vários modelos temáticos.
Pomerode Alimentos: vende diversos tipos de queijos finos e fundidos.
Porcelana Schmidt: Oferece produtos em porcelana, possuindo mais 70 anos de tradição.

Onde comer em Pomerode

Além de você ter muito o que fazer em Pomerode, não esqueça de incluir na sua viagem experimentar um pouco da gastronomia da cidade, que surpreende a todos os visitantes com a culinária alemã.

É possível encontrar diversos bons restaurantes, onde são servidos os pratos mais tradicionais da culinária germânica, como chucrute, marreco recheado, strudel, purê de maça e cuca.

No inverno, há uma grande variedade de caldos e fondues.

Um dos maiores destaques da cidade é a produção de queijos, sendo possível de encontrar ele de diversas formas, como em bisnaga, fundido com ervas, dentre outros. Também se deve estacar a cerveja e o chocolate, havendo duas marcas nascidas na cidade que oferecem produtos de altíssima qualidade, sendo elas:

Cervejaria Schornstein: A marca de cerveja nasceu na cidade, sendo baseada nas tradições alemãs para produzir a cerveja. Possui uma loja oficial, onde é possível apreciar as cervejas artesanais, assim como comprar outros produtos relacionados a decoração.
Chocolates Nugali: Oferece aos consumidores chocolates produzidos somente com produtos naturais, sem nenhum conservante ou aromatizante artificial sendo adicionado. É uma das marcas nacionais de maior prestígio no ramo do chocolate, no ano de 2016 ganhou uma medalha de prata na premiação “International Chocolate Awards” na categoria de chocolates finos puros.

O que fazer em Pomerode à noite

A noite na cidade não é muito agitada, porém, ela conta com bares e restaurante, onde é possível comer algo e apreciar uma boa cerveja. Além disso, todos os meses na cidade há algum evento, e a grande maioria deles possui atrações noturnas.

Em janeiro ocorre a Festa Pomerana, a mais tradicional da cidade, já em fevereiro ocorre o Stammtisch Pomerode, que consiste em um encontro para que moradores e turistas possam celebrar a amizade e interagirem entre si.

Em março ocorre o Encontro de Veículos Antigos, onde é possível apreciar diversos modelos de carro, em abril a Osterfest, evento de Páscoa.

No mês de junho ocorre o Schornstein Festival, que oferece shows noturnos, e no mês de julho ocorre o Festival Gastronômico da cidade, sendo possível aproveitar mais da culinária local.

Se você escolher visitar a cidade no mês de agosto poderá aproveitar o Pomerlammfest, que conta com a exposição de diversos animais, com gado, ovelhas, cavalos, além de shows e apresentações folclóricas. Já se você for amante de cerveja poderá se divertir no Pomerode Bier Fest, degustando diversas cervejas artesanais de produtores da região.

No final de novembro inicia a Weihnachtsfest, que é a festa de Natal da cidade, possuindo um extenso número de atrações durante as noites.

E por último, em dezembro ocorre o Volksfriends, um encontro de carros.

Dicas para os viajantes a Pomerode

A rede hoteleira da cidade não é muito extensa, porém, possui algumas boas casas para aluguel de temporada, além de pousadas. A maioria delas está instalada em casarões antigos com decoração e arquitetura germânica, fazendo a sua viagem ser ainda mais envolvida com tal cultura.

Algumas pessoas escolhem se hospedar em Blumenau ou Jaraguá do Sul e a partir dessas cidades irem visitar Pomerode, é uma ótima opção para quem irá conhecer a cidade somente em um dia.

É procedente assinalar que a informação foi facilitada pela Daniel Gualberto/Fica Ativo e Viaja. Foto de Portada Divulgação/Naturam. Edição, Área Jornalística Oitravels.

Reservamo-nos o direito de corrigir eventuais erros de publicação deste material, Oitravels não é responsavel por material gráfico que não expresse claramente o copyright.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: