Dicas de turismo em Barcelona

Barcelona é a capital da Catalunha, uma região no nordeste da Espanha que tem sua própria cultura, tradições e personalidade exclusivas, e até idiomas distintos das demais regiões espanholas, a 622 km da capital do país, Madrid. Você pode aproveitar a localização estratégica para conhecer outros destinos europeus, como a espanhola Valência (350 km de distância) ou as cidades francesas de Toulouse (330 km), Montpellier (345 km) e Marselha (507 km).

Poucas cidades europeias podem oferecer a ampla diversidade de experiências culturais que você encontrará em Barcelona.

Quando ir para Barcelona
Foto: Reprodução | El Quarto Blog

A segunda maior cidade espanhola, lar de mais de 1,6 milhão de pessoas, oferece opções turísticas a seus visitantes em qualquer época do ano, até mesmo durante o inverno, que pode ser relativamente rigoroso em comparação aos padrões brasileiros.

A cidade se beneficia do agradável clima mediterrâneo, que garante verões quentes, com temperaturas de até 35ºC, e invernos amenos, com termômetros entre 8ºC e 16ºC.

Você dificilmente precisará se preocupar com a chuva durante a sua viagem: mesmo nos meses mais úmidos não costuma chover mais que seis dias, o que significa que o sol sempre volta a brilhar quando menos se espera!

Se estiver planejando viajar durante o verão europeu, de junho a agosto, prepare-se para encontrar a cidade lotada, com hotéis e passeios mais caros, e não se esqueça de levar roupas de banho para curtir as praias catalãs.

Onde ficar em Barcelona

Por ser um dos principais destinos europeus, Barcelona dispõe de uma ampla rede hoteleira, com albergues, pousadas estilo bed and breakfast e hotéis tradicionais distribuídos por todas as regiões.

No entanto, a cidade também é uma das maiores metrópoles europeias, o que significa que escolher bem onde ficar é uma etapa estratégica do planejamento de viagem. Confira os principais bairros para hospedagem:

Bairro Gótico
Foto: Reprodução | ARC La Rambla

Centro histórico da cidade, o Bairro Gótico é o endereço de algumas das principais atrações de Barcelona. Foi nesta região que a cidade nasceu, ainda como a antiga cidade de Barcino, do Império Romano, o que ainda pode ser percebido no labirinto de becos e ruas de pedra, por onde se distribuem construções cheias de charme

Em outras palavras, é um bairro com forte vocação turística, que abriga boas opções de hospedagem. A vantagem de ficar no Bairro Gótico é que você estará perto de ruínas romanas, casarões antigos e palácios, além da Catedral de Barcelona, da Igreja de Santa Maria del Pi e da fotogênica Plaça Reial. Além disso, o bairro também está localizado pertinho das Ramblas e da praia de Barceloneta.

Raval
Foto: Reprodução | El Periódico

Bairro da moda de Barcelona, El Raval é o reduto dos imigrantes que vivem na cidade e fica coladinho ao Bairro Gótico. A região foi recentemente revitalizada e ganhou uma grande rede de opções gastronômicas, com bares modernos e restaurantes alternativos, além de hotéis e albergues bem decorados, com estrutura confortável. Dê preferência a opções de hospedagem na região da Plaça Catalunya, especialmente perto da estação do metrô.

Eixample
Foto: Reprodução | Midtown Barcelona

O bairro de Eixample surgiu na segunda metade do século XIX, após a demolição de antigas muralhas medievais que circundavam a cidade. É a região mais fotografada da cidade, com seus conhecidos quarteirões octogonais perfeitamente planejados, por onde você encontrará construções modernistas e clássicas.

Também é em Eixample que está a Avenida Passeig de Gràcia, uma das mais importantes da cidade, considerada a “Champs-Élysées catalã”, cheia de lojas e hotéis-boutique. Em contrapartida, ficar no bairro mais charmoso de Barcelona tem seu preço. Aqui, as diárias são mais salgadas em comparação a outros pontos da cidade.

Born
Foto: Reprodução | Events Hotels

O medievalesco Born foi recentemente revitalizado para se tornar o novo núcleo da vida jovem em Barcelona. Ao longo da extensão da Passeig del Born, principal avenida do bairro, distribuem-se hotéis-boutique, cafeterias e restaurantes charmosos, além de duas atrações imperdíveis: o Museu Picasso e o Palau de la Música Catalana.

A região é ideal para quem deseja conhecer a cidade a pé, pois você estará a uma caminhada dos bairros Gótico e Eixample, da praia de Barceloneta e do Parc de la Ciutadella, bem como de várias estações de metrô.

Gràcia
Foto: Reprodução | Es Parte del Viaje

O bairro de Gràcia consegue um feito bastante desafiador: é simultaneamente turístico e residencial, reunindo importantes atrações em Barcelona sem perder o caráter caseiro, que permite uma experiência mais genuína na cidade.

Ali, você encontrará armazéns, lojas alternativas, barzinhos descolados e praças arborizadas, onde a vida noturna é animada e tem alternativas para todos os gostos. Quem fica em Gràcia ainda está perto do Parque Güell, da Casa Vicens e dos pontos turísticos de Eixample.

Mapa turístico da cidade de Barcelona
Foto: Reprodução | Pinterest

Tudo parece pensado para o turismo em Barcelona: as principais regiões da cidade estão conectadas por eficientes redes de metrô e ônibus, existem ciclovias para todos os lados e muitas atrações estão separadas por poucos metros!

Mesmo assim, antes de conhecer a cidade você não pode deixar de conhecer o mapa local para identificar onde ficam as atrações que você deseja incluir em seu roteiro. Confira!

1. La Sagrada Familia
Foto: Reprodução | Turista Profissional

Mesmo sem ter sido concluída, a construção do Temple Expiatori de La Sagrada Familia é o cartão-postal oficial do turismo em Barcelona. A obra começou em 1883, sob responsabilidade do icônico Antoni Gaudí, e só deve ser concluída em 2026.

Em estilo gótico, a igreja terá 18 torres quando a obra for finalizada, além de incontáveis colunas que, conforme o projeto original de Gaudí, deveriam representar uma floresta em plena cidade.

A única maneira de visitar La Sagrada Familia é mediante agendamento prévio pelo site da atração, com ingressos individuais a 26 euros (com áudio-guia) e visita guiada a 27 euros.

2. Parque Güell
Foto: Reprodução | Vocé Viajando

Tombado como Patrimônio da Humanidade pela Unesco, o Parque Güell é um verdadeiro símbolo de Barcelona, também projetado por Gaudí. A principal portaria fica na Carrer d’Olot, onde você poderá contemplar a escadaria dupla, rodeada por muros convexos que dá acesso à Sala das Colunas.

O parque também abriga construções como a Casa Museu Gaudí, onde o arquiteto morou de 1906 a 1925, o Teatro Grego e a Casa del Guarda. Parte do Parque Güell tem entrada gratuita, mas um trecho é chamado de “zona restrita”.

Para conhecê-lo, você precisa agendar sua visita e pagar ingresso de 10 euros. O tour guiado, por sua vez, sai a 22 euros.

3. Casa Batlló e La Pedrera
Foto: Reprodução | My Modern Met

No coração do bairro Eixample, em plena Passeig de Gràcia, ficam duas das principais construções de Gaudí em Barcelona: a Casa Batlló e La Pedrera.

A Casa Batlló é uma construção em arenito, revestida por mosaicos bem coloridos, além de janelas ovaladas e varandas com pilares assimétricos. Ou seja, uma fachada que chama a atenção de quem passa por ali. Para visitar o interior do edifício, que abriga um museu modernista e é tombado como Patrimônio Mundial pela Unesco, é necessário desembolsar 35 euros.

Foto: Reprodução | BCN.Travel

Assim como a Casa Batlló, a Casa Milà, ou La Pedrera, também é uma obra de Gaudí tombada pela Unesco: foi o último projeto do arquiteto para uma residência. O resultado não agradou tanto assim e a casa ficou conhecida pelo apelido de La Pedrera, destacando-se de qualquer forma entre as demais!

4. Camp Nou
Foto: Reprodução | Get your Guide

Embora muitos viajantes queiram conhecer a rambla da cidade ou as obras-primas de Gaudí, inúmeros visitantes montam roteiros de turismo em Barcelona por outro motivo: o futebol!

Afinal, a cidade é o lar de um dos clubes mais bem-sucedidos do futebol europeu, o Barcelona, multicampeão de campeonatos continentais e nacionais. Se você é um amante do esporte mais popular do planeta, uma visita ao Camp Nou, estádio do Barcelona, é praticamente obrigatória!

Além de conhecer as dependências do estádio, incluindo o vestiário, você poderá visitar o Museu do Barça, loja de souvenires, restaurantes e lanchonetes.

As entradas custam a partir de 26 euros (em julho/2021) e podem ser adquiridas no site do clube.

5. Las Ramblas
Foto: Reprodução | Hotel La Casa del Sol

O complexo de ruas de Las Ramblas é nada menos que o ponto mais agitado da cidade, por onde você vai passar em algum momento da sua viagem. Ali, é possível encontrar de tudo, como comércio, restaurantes, cafés, mercados e monumentos históricos, incluindo uma estátua de Cristóvão Colombo com mais de 50 metros de altura!

A região é bastante arborizada e se estende por boa parte da cidade, desde a Plaça de Catalunya até a orla da cidade. Como toda região turística atrai aproveitadores, fique atento para evitar a ação dos batedores de carteira, que se aproveitam dos viajantes distraídos com as belezas da área.

6. Barceloneta
Foto: Reprodução | Hoteles.net

Você sabia que Barcelona tem praias? La Barceloneta é a mais famosa de todas, endereço de bares, restaurantes e excelente infraestrutura, incluindo banheiros e duchas.

Durante o verão, a região costuma ficar abarrotada de banhistas e ambulantes, então chegue cedo para encontrar o lugar ideal para passar o dia na areia ou programe sua viagem para outra ocasião. Além disso, vale a pena levar seus próprios guarda-sol e cadeira de praia, pois o aluguel de cada item pode ficar acima de 15 euros na alta temporada. Se você prefere praias menos badaladas, considere visitar as regiões de Nova Icaria ou Ocata.

É procedente assinalar que a informação foi facilitada pela Daniel Cosenza/El Quarto Blog. Foto de Portada Divulgação/ Vocé Viajando. Edição, Área Jornalística Oitravels.

Reservamo-nos o direito de corrigir eventuais erros de publicação deste material, Oitravels não é responsavel por material gráfico que não expresse claramente o copyright.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: